30
Nov 2016

 

Normalmente, a casa de uma pessoa diz muito a respeito dela, porém certas características costumam ser mais comuns quando falamos de pessoas solteiras que moram sozinhas e optam por um imóvel pequeno, mas personalizado. Segundo dados do IBGE, as residências brasileiras com apenas um morador aumentaram de 8,6% para 12,1% nos últimos dez anos, fenômeno que ocorre principalmente nos grandes centros urbanos. 
Vários fatores explicam esse aumento, sendo um deles a verticalização das cidades. Com isso, as configurações dos domicílios estão cada vez menores, favorecendo empresas que se dedicam a suprir as necessidades desse público no que diz respeito ao mobiliário. Quando se trata de decorar a casa, os móveis planejados são a melhor opção para transformar os ambientes reduzidos em espaços agradáveis e confortáveis.
Além do conforto e personalização, a preocupação ao conceber projetos em espaços pequenos envolve a questão da funcionalidade. Para a analista de redes sociais Uanilla Piveta, que mora sozinha há dois anos em um apartamento de apenas um quarto, a mobília precisa ser planejada para que ela não perca muito do pouco espaço disponível. "Tenho dificuldade com o tamanho e o encaixe dos móveis encontrados no mercado, portanto, para que o acabamento seja perfeito é necessário que eles sejam cuidadosamente planejados", afirma. Dessa forma, a funcionalidade é um fator levado em conta por Uanilla. "Prefiro os móveis funcionais, pois o meu ritmo de vida determina isso. Procuro alinhar minha casa, que tem pouco espaço, com peças que sejam úteis e bonitas ao mesmo tempo", diz.  
 
Algumas técnicas do design de interiores podem fazer verdadeiras mágicas para proporcionar a sensação de amplitude, explica a consultora da Especialle Ambientes Planejados para sua vida, Graziella Oliveira. "O uso de tons pastéis e uma cor mais forte, com foco em um objeto, trazem maior atenção para a peça e deixam o ambiente mais iluminado e o uso de espelhos também funcionam especialmente se colocados em fundos de corredores ou paredes contrárias", explica. "Desenvolvemos soluções para criar harmonia em todos os ambientes, de acordo com o sonho de cada cliente", finaliza.

Escolhendo móveis planejados

Classifique este artigo
(3 votos)
30
Nov 2016

 

Quando reformamos a casa, principalmente se for uma reforma pontual, sem alterações profundas na estrutura, fazemos algumas economias para que a reforma não passe a custar os “olhos da cara”. Assim também é com a decoração do ambiente, que ao invés de ficar por conta de um profissional da área acaba sendo decidida pelos próprios donos, que negociam novos móveis e acessórios junto às empresas. E não há nada de ruim em decorar a própria casa, sem ajuda profissional, desde que haja bom senso na escolha do que tem ou não tem lugar na decoração da casa.
Uma das principais dicas é ficar atento à decoração para a compra dos móveis planejados, principalmente em casas novas. Esse tipo de móvel é programado e, na maioria das vezes, tem design exclusivo. Mesmo assim o decorador, amador que seja, não pode deixar de atentar para o fato de que ele precisa ser condizente com a decoração escolhida para não destoar completamente do resto do ambiente. Já pensou em uma cozinha em tons de azul com os armários verde limão? Não parece tão bonito fora de um museu de arte moderna…
Escolher os móveis planejados é o primeiro passo da reforma por uma decoração mais agradável, e não é difícil pensá-lo de forma a combinar com o ambiente como um todo. É só refletir: se a decoração for mais básica, os móveis podem ser mais ousados. Se a decoração for mais despojada, diferente, é hora dos móveis serem de um modelo mais básico e neutro, que possa combinar com tudo.
Nesse caso o estilo dos donos do imóvel deve ser levado em consideração, já que não são só alguns móveis que podem ser planejados, mas sim todos da casa. Nesse momento do planejamento, quem puder pagar pela ajuda profissional pode não só ter a melhor consultoria no assunto como, também, ter o design exclusivo do móvel pensado, principalmente para salas e quartos. De nada adianta combinar móveis e decoração se o estilo dos donos ficar de fora do jogo. É preciso, então, levar em consideração o perfil de quem mora na casa para poder imprimir à decoração mais atitude e personalidade.
30
Nov 2016

Os móveis planejados feitos sob medida, de acordo com o tamanho do imóvel, são cada vez mais procurados por aqueles que pretendem otimizar espaços e fazer uma decoração bonita e elegante. Moradores de apartamentos ou proprietários de pequenos espaços, como escritórios ou casas com metragem reduzida são, em sua maioria, os principais interessados neste tipo de serviço.

No entanto, diz ela, algumas dicas devem ser levadas em conta antes da contratação deste tipo de serviço, fazendo a diferença no resultado final. Em primeiro lugar, verifique qual canto da casa ou do escritório receberá o novo móvel. Pegue todas as medidas do local e faça uma espécie de lista que contenha quais utensílios ou objetos serão guardados naquele local.